• MDI News

ALINHADOS, DISCURSOS DE BOLSONARO E TRUMP DEFENDEM O PATRIOTISMO E A SOBERANIA NACIONAL.



O Presidente do Brasil Jair Messias Bolsonaro e o dos Estados Unidos Donald Trump discursaram nesta terça-feira, 24 de setembro, na Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova York.


Alinhados, ambos discursos fizeram críticas ao globalismo e ao socialismo/comunismo, defendendo a soberania territorial das nações.


Bolsonaro em seu discurso, enfatizou a Amazônia e citicou a ignorância de alguns líderes mundiais em relação às inverdades já desmentidas sobre o território que faz parte do Brasil: “É uma falácia dizer que a Amazônia é um patrimônio da humanidade e um equívoco, como atestam os cientistas, afirmar que a Amazônia, a nossa floresta, é o pulmão do mundo” e completou “Valendo-se dessas falácias um ou outro país, em vez de ajudar, embarcou nas mentiras da mídia e se portou de forma desrespeitosa e com espírito colonialista. Questionaram aquilo que nos é mais sagrado, a nossa soberania.”


Já Donald Trump disse: “O futuro não pertence aos globalistas. O futuro pertence aos patriotas. O futuro pertence a nações soberanas e independentes, que protegem seus cidadãos, respeitam seus vizinhos e honram as diferenças que tornam cada país especial e único.” corroborando com o discurso de abertura do Presidente Brasileiro, que tradicionalmente desde 1949 abre o debate geral da assembleia das nações unidas.


Trump ainda afirmou que os EUA nunca serão socialistas e que essa é uma ideologia que não se trata justiça, de igualdade, de ajudar os pobres e certamente não se trata do bem da nação e sim representa apenas umas coisa: poder para a classe governante.

©2019 by www.mdinews.com.br. Proudly created with Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now