• MDI News

RECUOU! PRESIDENTE DA OAB PEDE DESCULPAS AO MINISTRO SÉRGIO MORO!



O Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Felipe Santa Cruz veio à público implorar perdão por seus depoimentos contra o Ministro da Justiça Sérgio Moro.


Moro encaminhou ofícios à Procuradoria Geral da República (PGR) nesta quinta-feira, 08 de agosto, solicitando a análise investigativa do depoimento de Santa Cruz à jornalista Monica Bergamo no dia 26 de Julho, em entrevista publicada pelo jornal Folha de São Paulo, entendendo que os dizeres feriram sua honra e se enquadram nos crimes de calúnia, difamação e injúria.


Após receber a informação do ato do Ministro, o advogado veio à público se retratar, pedindo desculpas dizendo que "não tinha a intenção de ofender a honra de Moro".


"Usa o cargo, aniquila a independência da polícia federal e ainda banca o chefe de quadrilha ao dizer que sabe das conversas de autoridades que não são investigadas" foi o principal motivo da atitude de Sérgio Moro, ora, dizer uma frase dessas e não esperar que o interlocutor se sinta ofendido é no mínimo leviano por parte de Santa Cruz.


Moro é frequentemente alvo de críticas por bandidos e corruptos, sendo extremamente competente em seu campo de atuação.


Um trecho do ofício com embasamento jurídico diz: “Atribuir falsamente ao ministro da Justiça e Segurança Pública a condição de chefe de quadrilha configura em tese o crime de calúnia do art. 138 do Código Penal. Ainda afirma que o subscritor teria do acesso a mensagens (“conversas”) de autoridades vítimas de hackeamento, fato que não é verdadeiro, o que também pode configurar crime contra a honra, como difamação”.


Resta-nos aguardar a resolução do caso, torcendo para que o advogado militante esquerdista seja um exemplo de como respeitar as autoridades e qualquer ser humano de caráter ilibado.

©2019 by www.mdinews.com.br. Proudly created with Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now